Clique nas fotos para amplia-las  



 Elenco Feminino

Rita Malot

Nascimento: 14/03/1959
Altura: 1,64m        Peso: 60kg        Manequim: 38        Camisa: 40/42        Sapato: 37       

Resumo

Iniciou sua carreira aos 18 anos, no Teatro Tuca, encenando o musical infantil: "MÔNICA E CEBOLINHA NO MUNDO DE ROMEU E JULIETA" participando simultaneamente da montagem de Acássio Gonçalves do musical "O OSCAR DO SÉCULO", e paralelamente protagonizando o Music Hall "FOLIAS", sob a direção de Abelardo Figueiredo na famosa casa noturna "O BECO".

Com 19 anos saiu do país, integrando o London Ballet Theatre do corpo de baile do musical "ACUARAMA ON PARADE", e após carreira de seis meses entre estádios como Maracanãzinho, Mineirinho, em Buenos Aires e Mar Del Plata, saiu para integrar o elenco de "ERASE OTRA VEZ NÉLIDA LOBATO", no Teatro Cômico Corrientes, permanecendo durante um ano em cartaz em Buenos Aires. Atuou também durante esse ano no corpo de baile da TV 13.

Um ano após, transferiu-se para o Sul da África após audição em Buenos Aires, para integrar o Music Hall "FLYGHT OF FANTASY", em Johannesburg e em Sun City, no primeiro hotel categoria seis estrelas da época e com o coreógrafo Nick Navarro de Las Vegas.

Voltou à São Paulo em 1981, já integrando o elenco do espetáculo "AÍ VEM O DILÚVIO", franquia Italiana de um musical de grande sucesso na Europa, repetindo no Brasil onde permaneceu em cartaz por dois anos.

Em seguida, em 1982 coreografou o mesmo espetáculo no Rio de Janeiro atuando como a prostituta "Consuelo", podendo à partir daí explorar suas múltiplas facetas como atriz, cantora e bailarina, além de coreógrafa.

Em 1983, presta a concorrida seleção para o musical "A CHORUS LINE", e retorna então para São Paulo para integrar o elenco original da montagem Brasileira no papel de Judy Turner.

Após esse trabalho, em 1984, foi convidada por Roberto Lage e Luís Gustavo para integrar o elenco da peça: "ABRE AS URNAS, CORAÇÃO", com texto de Luís Fernando Veríssimo onde dividia o palco com Luís Gustavo numa comédia de cunho político, por época das "Diretas Já" com direção de Roberto Lage.

Em 1985, passou a integrar a "Companhia de Repertório" de Antônio Fagundes permanecendo dois anos e participando das montagens: "CIRANO DE BERGERAC" com direção de Flávio Rangel e "NOSTRADAMUS", com direção de Antônio Abujamra.

Em 1987, juntamente com Ana Kfouri e Mariana Muniz, produziu o espetáculo "BLÁSFÊMEAS", fazendo temporada de um ano entre Rio e São Paulo. Espetáculo aclamado e considerado um Cult na época, trouxe o consequente convite para uma participação na novela "VALE TUDO", sob direção de Dênis Carvalho e logo em seguida integrou o elenco de "TOP MODEL", sob direção de Mario Marcio Bandarra, fazendo também uma participação em "A.E.I.O.URCA" com direção de Dênis Carvalho.

Atuou logo a seguir, sob a direção de Ítalo Rossi, a peça "MORRE UM CORAÇÃO VULGAR", com Claudio Marzo, Camila Amado e Camilo Bevilácqua.


Em 2018 retorna a carreira depois de um longo hiato, onde se tornou empresária do ramo de Moda, devido a uma falência paterna mantendo um Show Room em Ipanema durante muitos anos. Em 2018 produz e atua na peça: "O GOSTO DA PRÓPRIA CARNE", de Albert Inauratto com direção de Roberto Lage. No ano seguinte, m 2019 produz a comédia "ATÉ QUE A MORTE NOS SEPARE" um texto de Paula Gianinni onde atua ao lado de Walmir Santana com direção de Amauri Ernani em diversas cidades e teatros., SP, Rio e interior.

Em Novembro de 2019 é convidada para uma participação como a professora de Ballet "Monique" na série da Globo Play "AS FIVE" de Cao Hamburguer com direção de José Eduardo Belmonte.

Na pandemia finalizou um livro de contos eróticos à ser lançado até o início de 2022 pela Editora Laranja Original, e participou de diversos cursos de dramaturgia, com Samir Yazbek, Marcos Gomes e Lucas Mayor, onde finaliza um texto de própria autoria sobre a condição feminina que será sua próxima produção teatral, a peça "SÌNDROME DE ESTOCOLMO" com direção de Patricia Vilela.


Protagonizou diversos filmes publicitários: Sharp Televisores, Gleid-Sachet, Samello, Lava-louça Brastemp, U.S.Top, Shopping Iguatemi, Cigarros Galaxy, Margarina Delícia, Incepa, Sears, Lycra Du Pont, Liqudificadores Wallita, Cafeteira Wallita, Pastilhas Wick (bichinho do hã hã), Cigarros Cassino, H. Stern e outros.

Teve como diretores: Carlos Manga, Walter Salles, Fernando Meirelles, Dodi Sirena, Hugo Giorgete, Flávia Morais, Laonte, Paulo José, Percy Tamplin e muitos outros.

Algumas participações em cinema, como "BESAME MUCHO" em 1987 com direção de Francisco Ramalho Junior, "O PAÍS DOS TENENTES" de João Batista de Andrade também em 1987, e "O CORPO" em 1991 de José Antônio Garcia.

Foi indicada ao prêmio APETESP em 1987 pela coreografia dos musicais, "Um sonho colorido de Líla" e "Peter Pan".

Sua formação foi a dança Clássica, o Jazz e a Dança Moderna, onde estudou por muitos anos no Ballet Stagium. Seus mestres na dança foram: Ismael Guiser, Noemi Coelho, Nick Navarro, Ricardo Ordoñes, Sonia Mota, Mirta Furioso, Marilene Silva, Décio Otero, Lenie Dale e outros.
Estudou canto Lírico, Belting e Popular. Com mestres como: Nancy Miranda, Guerra Peixe, Estevão Maya Maya, Pedro Paulo Castro Neves, Breno Pizzorno e outros.



Copyright 2014 . Quattro Agentes